A Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Saúde, vem informar aos munícipes que na ultima quinta -feira (25), o município recebeu a certificação de MUNICÍPIO MAIS EFICIENTE NO TRATAMENTO DE TUBERCULOSE no âmbito da I URSAP – SESAP/RN!.

A tuberculose é uma doença infecciosa e transmissível que afeta prioritariamente os pulmões, embora possa acometer outros órgãos e/ou sistemas. A doença é causada pelo Mycobacterium tuberculosis ou bacilo de Koch.

Quais são os sintomas?

O principal sintoma da tuberculose pulmonar é a tosse na forma seca ou produtiva. Por isso, recomenda-se que todo sintomático respiratório, que é a pessoa com tosse por três semanas ou mais, seja investigado para tuberculose. Há outros sinais e sintomas que podem estar presentes, como:

  • Febre vespertina
  • Sudorese noturna
  • Emagrecimento
  • Cansaço/fadiga

 

  • Como é feito o tratamento?O tratamento da tuberculose dura no mínimo seis meses, é gratuito e está disponível no Sistema Único de Saúde (SUS), devendo ser realizado, preferencialmente, em regime de Tratamento Diretamente Observado (TDO).

    São utilizados quatro fármacos para o tratamento dos casos de tuberculose que utilizam o esquema básico: rifampicina, isoniazida, pirazinamida e etambutol.

    O TDO é indicado como principal ação de apoio e monitoramento do tratamento das pessoas com tuberculose e pressupõe uma atuação comprometida e humanizada dos profissionais de saúde.

    Além da construção do vínculo entre o profissional de saúde e a pessoa com tuberculose, o TDO inclui a ingestão dos medicamentos pelo paciente realizada sob a observação de um profissional de saúde ou de outros profissionais capacitados, como profissionais da assistência social, entre outros, desde que supervisionados por profissionais de saúde.

    O TDO deve ser realizado, idealmente, em todos os dias úteis da semana. O local e o horário para a realização do TDO devem ser acordados com a pessoa e com o serviço de saúde.

    A pessoa com tuberculose necessita ser orientada, de forma clara, quanto às características da doença e do tratamento a que será submetida. O profissional de saúde deve informá-la sobre a duração e o esquema do tratamento, bem como sobre a utilização dos medicamentos, incluindo os benefícios do seu uso regular, as possíveis consequências do seu uso irregular e os eventos adversos associados.

    Todas as pessoas com tuberculose devem fazer o tratamento até o final.

 

Mais uma vitória! Isso é resultado de muito trabalho da Prefeitura Municipal de Nova Cruz, na gestão do prefeito Flávio César Nogueira, através da Secretaria de Saúde, sob o comando do secretário Thiago Cassimiro.

 

Informações sobre a Tuberculose tem como fonte: Ministério da Saúde.

image_pdfimage_print