O prefeito Targino Pereira, na oportunidade acompanhado pela secretária e primeira dama Germana de Azevedo Targino, titular da Secretaria Municipal de Assistência Social – SMAS, recebeu em seu gabinete, técnicos do Núcleo de Desenvolvimento Social do RN – NDS, para tratar da viabilização de estudos com o objetivo de gerar informações específicas para subsidiar a utilização do Cartão Reforma, programa voltado para a habitação popular.

“O cheque reforma é um programa voltado para a geração de moradias, ou seja, um programa voltado para quem mais precisa. A priori, o município de Nova Cruz está pré-selecionado para ser contemplado com estes cartões, o que nos leva a traçar junto a gestão municipal todo o preparo técnico para que o município possa estar apto a receber este importante benefício social”, explicou o assessor técnico da NDS, Gustavo Alberto.

Neste 1º edital, de um total de 5 a serem publicados pelo Governo Federal, mais de 50 municípios potiguares já tiveram seus cadastros pré-aprovados junto ao Ministério das Cidades. Até o final do ano, mais dois editais serão abertos. Para participar do programa, o beneficiário deverá ser proprietário do imóvel e morar no local onde será feita a reforma. Terão prioridade famílias cujo responsável seja uma mulher, que tenham idosos ou pessoas com deficiência como membro, além das famílias com renda baixa.

O cartão tem validade de um ano, e é necessário utilizar no período de vigência. A execução da obra é de responsabilidade da família beneficiada. O repasse da verba será feito pelo Ministério das Cidades, via Caixa Econômica Federal, que vai entregar o cartão para as famílias selecionadas. Esses valores não são um financiamento, mas um benefício. As pessoas não terão de pagar prestação ou juros pelo uso do dinheiro.

image_pdfimage_print